12 dezembro 2006

Sabanas Frias

Minha essência insiste em dizer que o que eu faço não é o que eu deveria fazer.
Seria um aviso para mudar?
Creio que esse sentimento deriva da minha atividade profissional estar mudando de rumo em relação ao meu objetivo. Pois o que eu faço hoje, está fugindo da minha perspectiva profissional.
Mas de todos os males podemos pensar que às vezes se faz caminhos certos, mas por linhas tortas, isto é, uma oportunidade que não pode ser desperdiçada e que talvez traga alguma boa notícia em um futuro próximo ou não.
Mas se não for de grande ajuda, percebo que ficarei estagnado e estarei fora de rumo...
É nisto que é preciso ficar atento.
Às vezes penso em mudar de área, tipo, mudar para a área de lingüística, pois é deveras mais interessante e de meu gosto.
Mas enfim hei de encarar o desafio, mas estarei atento o quanto ele estará sendo de bom proveito e útil na minha formação profissional. Pois cargos de gestão e de especialistas são totalmente distintos. E o caminho 'especialista' parece ser limitante para meu objetivo e isto é uma coisa que não gosto.
Música que gosto e me lembra de uma pessoa muito especial:

Tribalistas - Velha Infância

Você é assim
Um sonho pra mim
E quando eu não te vejo

Eu penso em você
Desde o amanhecer
Até quando eu me deito

Eu gosto de você
E gosto de ficar com você
Meu riso é tão feliz contigo
O meu melhor amigo é o meu amor

E a gente canta
E a gente dança
E a gente não se cansa

De ser criança
Da gente brincar
Da nossa velha infância

Seus olhos meu clarão
Me guiam dentro da escuridão
Seus pés me abrem o caminho
Eu sigo e nunca me sinto só

Você é assim
Um sonho pra mim
Quero te encher de beijos

Eu penso em você
Desde o amanhecer
Até quando eu me deito

Eu gosto de você
E gosto de ficar com você
Meu riso é tão feliz contigo
O meu melhor amigo é o meu amor

E a gente canta
E a gente dança
E a gente não se cansa

De ser criança
Da gente brincar
Da nossa velha infância.


Ouvindo: Anita Ward - Ring My Bell
Quote: "A gente nasce e morre só. E talvez por isso mesmo é que se precisa tanto viver acompanhado" - Rachel de Queiroz

Um comentário:

Angellk disse...

@=/...problemas profissionais?
se chama rotina talvez...podemos conversar a respeito se quiser amor...
Gostei de estudar metodologia..rs
Te adoro demais e n kero te ver mal...@=****** mtos beijos...